Homologação das chapas para representante discente na Comissão de Bolsas

24/04/2017 15:26

As seguintes chapas foram homologadas para a candidatura à representação discente na Comissão de Bolsas:

Chapa 1:

- Hiago Mendes (doutorado)

Michelle Belatto (mestrado)

Chapa 2:

- Anderson Kaue Plebani (mestrado)

- Norton Gabriel Nascimento (mestrado)

Convocamos os alunos da pós-graduação a comparecerem no dia 26/04, no horário das 8h-12h, 14h-18h para a votação.

A apuração e a divulgação do resultado se dará imediatamente após o encerramento da votação.

Minicurso – Merleau-Ponty e o debate atual da fenomenologia (Prof. Cristiano Perius – UEM)

20/04/2017 11:00

 

Folder_divulgação

 

MINICURSO: Merleau-Ponty e o Debate Atual da Fenomenologia
MINISTRANTE: Prof. Dr. Cristiano Perius (UEM)

Data: 22, 23 e 24 de MAIO de 2017
Horário: das 13h30min às 18h30min.
Local: Miniauditório do CFH UFSC
INSCRIÇÕES: https://1drv.ms/xs/s!AnrPDs3lzGtxe5dvDzC0G_m3THo

O objeto do curso visa acompanhar a fenomenologia de M. Merleau-Ponty a partir de dois recursos metodológicos: progressivo e regressivo. De um lado, trata-se de analisar o perfil da fenomenologia em oposição à tradição moderna (análise regressiva), de outro, estender o debate já conhecido de Merleau-Ponty com pensadores do século XX (representada pelas filosofias de Husserl, Heidegger e Sartre, sobretudo) aos problemas atuais da fenomenologia. A identidade da filosofia francesa, segundo Frédéric Worms, é decisiva para a fenomenologia desde o Sartre de “A transcendência do ego”. Fenomenólogos contemporâneos, como Renaud Barbaras, Claude Romano, Marc Richir, Jocelyn Benoist, entre outros, são continuadores do projeto de uma filosofia francesa, responsável por uma identidade específica a ela. (Embora permaneça a ambivalência da palavra “francesa”, pois na França e fora dela). Aliado a esse esforço teórico pelo reconhecimento de questões decisivas da fenomenologia francesa, é objeto de estudo o fenômeno de retomada da filosofia de Merleau-Ponty na contemporaneidade, tal como faz Étienne Bimbenet, em “Aprés Merleau-Ponty”, porém, reconhecendo, ali, a lacuna e a ausência do debate estético, que mereceria destaque.

Carga horária total: 15 horas/aula
Contato: gefranppgfil@hotmail.com
FanPage: https://www.facebook.com/GEFRAN_Filosofia-UFSC-12962913083…/